Av. Chanceler Edson Queiroz, 2050, Rio Novo, Cascavel - Ceará, 62850-000 | 85 3334.2833
prefeitura@cascavel.ce.gov.br

Notícias

Terapia Infantil ajuda no desenvolvimento da criança

terça-feira | 20/08/2019

Muitas vezes os pais não tem consciência de quando o seu filho (a) precisa da ajuda de um profissional na área da saúde mental. Em alguns casos não querem acreditar que o filho (a) precisa de atenção especial, mesmo tentando de tudo que é possível para melhorar seus modos, a criança continua apresentando certos comportamentos. Algumas vezes fica sempre buscando justificativas para não admitir que tenha algo errado. Aceitar a realidade não quer dizer que você falhou. Mas que você se importa e quer que tudo fique bem.

 Os pais devem ficar atentos alguns sintomas que os filhos apresentam: dificuldade na função motora, de aprendizagem, memória, leitura, fala, comportamento agressivo, letárgico, repetitivo, mudanças repentinas de humor, ansiedade, tristeza e comportamento sexualizado. Esses são alguns sinais que os responsáveis podem perceber que seu filho (a) precisa de ajuda. Nada é analisado de forma isolada, é averiguado todo o contexto, pois existe coisa que é típica da idade e do desenvolvimento da criança. A terapia infantil tem a intenção de melhorar a qualidade de vida da criança, possibilitando uma infância feliz e saudável.

As crianças não falam o que estão sentindo, mas conseguem externar através do desenho e modo de brincar, são essas as formas de expressar seus sentimentos, a terapia infantil é através do brincar, dessa maneira que são trabalhadas as dificuldades que as crianças trazem. É de fundamental importância à presença dos pais no processo terapêutico.

 A Policlínica Municipal Edvar Ramires, atualmente está atendendo 104 crianças, de 2 a 11 anos. Marcos Antônio é psicólogo formado pela Faculdade Maurício de Nassau. A terapia é feita em grupo, atividades lúdicas e com os responsáveis. Pois o trabalho desenvolvido dentro do consultório deve ser continuado em casa. Ele ainda orienta: “toda criança precisa de carinho e convívio social”, destaca.